Central de Comunicação // CNA

27/06/2018

Comitiva do Agrobrazil conhece produção de Queijo Canastra e a maior cooperativa de café do mundo

Guaxupé/MG (27/06/2018) – O segundo dia da viagem promovida pelo Programa de Intercâmbio AgroBrazil levou representantes de cinco países para conhecerem dois símbolos marcantes da agropecuária de Minas Gerais: o queijo Canastra e a Cooperativa Regional de Cafeicultores em Guaxupé (Cooxupé), considerada a maior do mundo.

A iniciativa da Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA) está na sua terceira edição e conta com a participação de adidos agrícolas e representantes de embaixadas do México, Holanda, Coréia do Sul, Tailândia e França. Desde segunda (25) eles estão visitando a produção de café e produtos lácteos mineiros.

“São os dois produtos emblemáticos de Minas Gerais. O café é o maior produto de exportação do estado e o leite é uma prioridade para a CNA nos próximos anos. É uma cadeia que a gente tem um grande potencial e que precisamos trabalhar para tornar um produto de exportação, assim como foi feito em outras cadeias”, disse a superintendente de Relações Internacionais da CNA, Lígia Dutra.

Na terça (26), a programação começou com uma visita ao Sicoob Saromcredi, de São Roque de Minas, onde o grupo assistiu a apresentações sobre a Associação de Produtores de Queijo Canastra (Aprocan) e a Associação dos Produtores de Café da Serra da Canastra – Café da Canastra. Depois, a comitiva foi conhecer, na prática, como o famoso queijo é fabricado. Na fazenda Roça da Cidade, que mantém a tradição da produção artesanal de queijo Canastra há quatro gerações, o produtor João Carlos Leite demonstrou todas as etapas de produção da iguaria passa até ficar pronta para o consumo.

“Quando a gente recebe estrangeiros aqui que vêm conhecer o nosso produto, a nossa qualidade, o carinho com que produzimos e o nível de controle que nós temos, geramos nessas pessoas uma expectativa boa. Estamos colocando o nosso produto apto a conquistar novos mercados pelo mundo afora e não só agora no Brasil, com a nova lei que foi assinada dias atrás”, afirmou Leite, que também é presidente da Aprocan.

Maior do mundo - O roteiro prosseguiu no município de Guaxupé, sede da Cooxupé e do Complexo Industrial Japy (unidade pertencente à cooperativa). Símbolo maior do cooperativismo no café, a Cooxupé tem números impressionantes: comercializa, aproximadamente, 4% do café mundial, representa 13% da produção nacional do grão arábica, exporta para 46 países e tem quase 14 mil cooperados. Acompanhado pela diretoria da empresa, o grupo visitou a estrutura da cooperativa e pôde verificar de perto processos como recebimento de grãos, separação, análise do café, torrefação e carregamento.

“A imagem do Brasil no exterior é muito ruim. Não se fala nas coisas boas do País, só nas ruins. Esse Programa é interessante porque vocês mostram para esse pessoal que aqui tem muita coisa boa. Temos que valorizar e mostrar o que é bom. A parte agrícola do Brasil é muito boa. Prova disso que nós exportamos e que o sustentáculo da economia brasileira é o agronegócio”, declarou Carlos Alberto Paulino da Costa, segundo presidente nos 60 anos da Cooxupé. 

AgroBrazil - O Programa busca aproximar produtores rurais brasileiros e os representantes de delegações estrangeiras no Brasil. O objetivo é apresentar a realidade da produção agropecuária brasileira e as ações e técnicas que a tornaram o principal setor da economia nacional. Nesta quarta-feira (27), a viagem será encerrada com visitas à Fazenda Bela Vista e à Monte Alto Coffees.

“Foi muito importante para ver como é a produção de café no Brasil e aprender em termos de tecnologia e de sustentabilidade. Vou voltar para a embaixada e disseminar as informações que eu recebi. Tenho interesse em fomentar o comércio bilateral entre Tailândia e o Brasil e ver se conseguimos aumentar as exportações do café brasileiro, que tem um grande potencial lá na Tailândia”, analisou a segunda secretária na Embaixada da Tailândia no Brasil, Phitchanan Panadamrong.

Assessoria de Comunicação CNA
Telefone: (61) 2109 1419
flickr.com/photos/canaldoprodutor
cnabrasil.org.br
twitter.com/SistemaCNA
facebook.com/SistemaCNA 
instagram.com/SistemaCNA

 

Veja também