Central de Comunicação //

24/04/2018

Mamão: Com chuvas mais distribuídas, fruta apresenta qualidade superior

Por Notícias Agrícolas

A qualidade do mamão voltou a melhorar nas últimas semanas, devido à melhor distribuição das chuvas nas regiões produtoras. Com isso, menores aplicações de fungicidas foram necessárias – cenário oposto ao observado entre fevereiro e março, quando as precipitações superaram a normal climatológica para algumas praças acompanhas pelo Hortifruti/Cepea e aumentaram a incidência de doenças fúngicas e viroses.

Segundo produtores, as chuvas pontuais apenas têm afetado a qualidade em algumas lavouras, em especial nas mais antigas. No Rio Grande do Norte/Ceará, por exemplo, maiores problemas têm sido relatados pelas precipitações mais frequentes, afetando o padrão de comercialização da fruta. Com isso, produtores devem ficar atentos a este quesito.

Em Mossoró (RN), onde se concentra a produção do formosa, registrou-se 198,4 mm na parcial de abril (até o dia 23), segundo o Inmet (Instituto Nacional de Meteorologia). Este cenário acarretou em maior necessidade de controle fitossanitário por parte de produtores, no intuito de garantir a qualidade do mamão na região.

Veja também